quinta-feira, 8 de julho de 2010

A primeira escola (Mãe)

A primeira escola
(Mãe)


A família, e especialmente a educação materna, são a base e o fundamento do desenvolvimento posterior do filho. Decide-se aqui o futuro das qualidades e das características recebidas pelo nascimento e, como o pai desenvolve as suas ocupações fora do lar, a maior parte da educação recai sobre a mãe. Os cuidados e a formação física do filho são, nos primeiros anos, incumbência exclusiva da ação materna e é através dela que se decide uma grande parte da formação moral e espiritual.

... De São João Crisóstomo é, porém, a expressão clássica: "Nada há de mais elevado que formar a alma dos jovens e instruí-los na virtude".

A educação do filho começa com o nascimento; pretender iniciá-la mais tarde não é tarefa muito fácil, porque, desde o primeiro momento, o homem tem o seu caráter peculiar. O novo ser traz consigo características físicas, anímicas e espirituais que lutam por manifestar-se com a pujança impetuosa de um rebento; eis o motivo por que a mão prudente da mãe tem de começar logo a afastar todas as raízes prejudiciais.

Os primeiros anos da vida têm, para sempre, uma importância excepcional. A cultura, a ciência e as línguas podem ser aprendidas mais tarde, mas a formação de um coração generoso e de princípios de vida inabalável, só pode ter lugar nestes primeiros momentos.

(A mãe, pelo Cardeal Mindszenty)

PS: Grifos meus.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...