sexta-feira, 16 de julho de 2010

A Cruz da Missão

A Cruz da Missão

"Eu me propus ir sempre contra a corrente"
(Santa Verônica Giuliani)

Oh! vinde, Cristãos,
a Cruz adoremos,
a Cruz exaltemos
que o mundo salvou!

Adoro-te, ó Cruz
do meu Salvador,
qual rico tesouro
de graça e amor!

Teus braços abertos
dissipam temores,
e nos corações
formentam amores!

Piedade e perdão,
meus braços cansados,
me alcancem de Deus
Contigo abraçados!

Vinde, almas fiéis,
e beijai com amor
a chave dos céus,
a Cruz do Senhor!

A Cruz é um livro
que da salvação
ensina a ciência
em muda dicção.

Inspira ao pecado
horror salutar,
e abranda o Juiz
que nos vem julgar.

Quisera trazer-te
guardada no peito,
do meu coração
qual único leito.

Com doces encantos
o peito enamoras
e nele de Cristo
o amor entesouras.

És fonte perene
de força invencível
e inspira pavor
ao dragão terrível!

Tesouro inexausto
da graça dos céus,
em Vós nos concede
O Sangue de Deus!

Amemos, Cristãos
deveras a Cruz
pois, nela cravado
expirou Jesus!

Oh! lenho divino!
Oh! fonte de glória!
Do meu Redentor
eterna memória!

Deixa que me lance
nesses braços teus
e neles expire
amando ao meu Deus!

(A Sagrada Família, por um padre redentorista, 1910)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...