quinta-feira, 13 de outubro de 2011

S. Eduardo, Rei e Confessor

S. Eduardo, Rei e Confessor


Sobrinho e sucessor no trono de Inglaterra de S. Eduardo, Rei e Mártir, S. Eduardo, Confessor, foi igualmente um grande Rei cristão. Viu-se, então, diz um historiador, o que realmente pode um rei que é verdadeiramente pai dos seus súditos. Todos os que viviam de perto com ele procuravam regrar a própria vida pelo o exemplo que a todos dava. Não se conhecia na corte deste tempo nem ambição, nem amor das riquezas nem nenhuma daquelas paixões que desgraçadamente são tão vulgares entre cortesãos. Era tido por todos como pai dos órfãos e dos indigentes, e nunca se sentia tão feliz como quando se lhe oferecia ensejo de socorrer alguém. (Ep.). Todo penetrado da doutrina do quarto Evangelho, nunca negava o que lhe pedissem em nome do Apóstolo da caridade. Morreu no dia 05 de Janeiro de 1066. A festa de hoje celebra a memória da trasladação dos seus restos.

Oração. - Ó Deus, que Vos dignastes recompensar o bem-aventurado Eduardo Rei e Confessor com a coroa imarcescível da glória, fazei que o veneremos na Terra de modo a merecer reinar com ele no Céu. Por Nosso Senhor Jesus Cristo.

(Missal Quotidiano e Vesperal por Dom Gaspar Lefebvre, ano de 1952)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...