terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

DESIGUALDADE NA ESPIRITUALIDADE


A desigualdade existente entre o homem e mulher -- desigualdade querida por Deus -- reflete-se em todos os campos de suas vidas, inclusive no espiritual. A mulher é mais emotiva, mais propensa aos estudos espirituais; o homem é mais racional e visa assuntos mais ligados à filosofia, ética, política, e afins. Não que ele não seja religioso, não é isso, mas sua vida de espiritualidade se dá de forma distinta, mais viril.

A mulher é chamada às coisas interiores e o homem às exteriores. Ela será a "lareira" do lar, aquecê-lo-á com sua piedade, doçura e vigilância. As primeiras orações, a explicação de uma imagem, tudo isso se dará de forma mais intensa na voz daquela que é chamada a brilhar e a aquecer o lar, instruir os pequenos em todas as horas do dia.

A espiritualidade masculina está mais presente em sua missão bem cumprida nos trabalhos exteriores, onde, somente com uma vida interior alicerçada no cumprimento dos mandamentos e sacramentos poderá ser "rocha" na família.

A união da "rocha" e da "lareira" fará com que se tornem UM. Uma complementação espiritual que derramará suas graças nos filhos, na sociedade e enriquecerá a Igreja de Cristo.

Letícia de Paula
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...